1 de janeiro de 2020, alegou-se que um novo coronavírus (Sars-Cov-2) havia feito sua sua primeira vítima na província de Wuhan, na China. Em 11 de março de 2020, a Organização Mundial da Saúde havia declarado a doença COVID-19 como uma pandemia global. Em meio a medos e incertezas, é natural perguntarmos: o que Deus está fazendo? 

Em Coronavírus e Cristo, John Piper convida leitores de todo o mundo a permanecer na Rocha sólida que é Jesus Cristo.

O que Deus está fazendo através do coronavírus é nos mostrar — graficamente, dolorosamente — que nada neste mundo oferece a segurança e a satisfação que encontramos na grandeza e dignidade infinitas de Jesus. Essa pandemia global toma a nossa liberdade de locomoção, as nossas atividades comerciais e as nossas relações face a face. Isso tira a nossa segurança e o nosso conforto. E, em última instância, pode tirar as nossas vidas. A razão pela qual Deus nos expõe a tais perdas é nos instigar a confiar em Cristo. Ou, em outras palavras, a razão pela qual ele faz da calamidade a ocasião para oferecer Cristo ao mundo é que a grandeza suprema e totalmente gratificante de Cristo brilha mais intensamente quando Cristo sustenta a alegria no sofrimento.

John Piper

John Piper

Pastor, escritor e fundador do ministério Desiring God.

Parceiros

Somos uma rede de ministérios de língua portuguesa, que reflete e comunica a teologia reformada para o público lusófono, para a glória de Deus e alegria dos povos.